Virgínia "desafia" governador pagar o "Ser Família Emergencial" mensalmente


Fonte: várzeagrande

A primeira-dama de Mato Grosso, Virgínia Mendes lançou um desafio ao governador Mauro Mendes (DEM), e ao presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi (PSB), para mudar o novo critério de pagamento do auxílio Ser Emergencial, no valor de R$ 200, de bimestral para mensal.


O desafio foi lançado nesta segunda-feira (18.10), durante o evento “Unidas pelo Social”, com a participação das primeiras-damas e prefeitas dos municípios do Estado.

Em resposta, Mendes disse que iria pensar na proposta. “Vamos estudar, estamos com algumas complicações, como o programa que entrou agora, os cartões atrasaram por conta da licitação, tem também o teto orçamentário, final de ano tem gastos, entre outros”.

No entanto, Mauro lembrou que além do Ser Família Emergencial, também tem outros programas em andamento, sendo um conjunto que precisa ser calibrado.

O evento contou a participação de todas as primeiras-damas e prefeitas dos municípios do Estado, onde Virgínia apresentou projetos e prestou contas em relação ao programa Ser Família.

0 comentário