Representantes de Consegs apresentam demandas ao secretário de Segurança do Estado


Fonte:sesp/mt

Os presidentes de nove Conselhos Comunitários de Segurança (Consegs) de Cuiabá e Várzea Grande apresentaram ao secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, as demandas dos bairros que representam. A reunião ocorreu na tarde desta quarta-feira (04.08), na Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT).

As lideranças apresentaram a necessidade de policiais militares para reforçar todas as Bases Comunitárias, a fim de garantir a segurança e um bom atendimento ao cidadão. Outro ponto discutido foi sobre a estrutura de algumas unidades.

A presidente do Conseg do Bosque da Saúde, Sandra Gaspareto, falou sobre a preocupação com relação ao efetivo reduzido. “Os policiais que são deslocados para outras bases não são repostos novamente. As Bases Comunitárias fazem parte das nossas vidas, fazem parte da história do nosso bairro e nós não iremos deixar de lutar. Nós estamos aqui hoje para pedir ajuda, é um clamor de socorro”, destacou.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, garantiu que medidas já estão sendo tomadas para atender as demandas e enfatizou a importância da parceria com os Conselhos, pois traz bons resultados. Segundo ele, cerca de 300 policiais se aposentam por ano, e desde 2014, são mais de dois mil profissionais que deixam a ativa.

“A única forme de repor estas perdas é com a realização de concurso permanente. Estamos desenhando um projeto tanto para praças, quanto para oficiais, que já está sendo discutido junto ao governador Mauro Mendes, e acredito que em breve conseguiremos realizar”.

Ele também enalteceu o trabalho dos Consegs que, nos últimos anos, têm participado ativamente na implementação de ações na área de segurança pública. “A polícia comunitária preza muito pela prevenção, pela relação com a comunidade e somos sensíveis às demandas apresentadas. Em relação a estrutura, está sendo feito um levantamento para identificar as necessidades e melhorar as unidades com computadores, mobiliário e outras questões”.

Fonte:sesp/mt

O coordenador de Polícia Comunitária da Sesp-MT, tenente coronel PM Sebastião Carlos, ressaltou que a reunião com o secretário era um anseio antigo dos representantes dos Consegs. “Estamos sempre abertos a atender as demandas e já iniciamos o levantamento sobre as questões estruturais das Bases Comunitárias, pois acreditamos que elas são fundamentais para o funcionamento da filosofia de polícia comunitária”.

O Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) foi criado para reunir as lideranças comunitárias, as autoridades policiais e outros órgãos públicos direta ou indiretamente ligados à segurança pública, com objetivo de promover a discussão e adoção de medidas práticas que resultem na melhoria da segurança e qualidade de vida das comunidades.

Participaram da reunião, representantes dos Consegs dos bairros Parque Cuiabá, Moinho, Bosque da Saúde, Dom Aquino, Pedregal, Jardim Vitória, Tijucal e Pedra 90, de Cuiabá, e do Jardim Imperial, de Várzea Grande.

O deputado estadual Allan Kardec também participou da reunião e, na ocasião, os presidentes dos Consegs relataram a ele sobre a importância de a Assembleia Legislativa (ALMT) criar a polícia legislativa, a fim de não absorver o efetivo regular da Polícia Militar (PM-MT) para a função de guarda institucional.

0 visualização0 comentário