Mendes afirma que Fórum Sindical não tem credibilidade e minimiza reunião com Emanuel


fonte leiagora

O governador Mauro Mendes (UB) minimizou a reunião que o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), teve como Fórum Sindical nessa segunda-feira (14). Para o chefe do Executivo municipal, a entidade não está exercendo o seu papel de defender o funcionalismo público, pois se tornou uma instituição politizada e não merece “credibilidade”.


“O Fórum Sindical quando vai lá e abraça aquele que é o pior símbolo daquilo que a gente mais repugna na política, pelo menos as pessoas de bem, perde um pouco a credibilidade”, enfatizou, colocando que ele nunca se reuniu com o Fórum Sindical.


No entanto, nega a acusação de que não mantém diálogo com os servidores públicos. Mendes afirma que a entidade não atua em favor dos servidores públicos, uma vez que cada categoria tem suas particularidades. Por isso, prefere tratar com cada sindicato em específico.


“Essa invenção de Fórum Sindical foi uma coisa do Pedro Taques. Cada categoria tem uma realidade diferente, cada categoria tem uma especificidade, tem uma demanda diferente, e a orientação que temos dentro do governo é de dialogar com os sindicatos. Não consigo entender a Polícia Civil com a mesma agenda da Educação, não consigo entender a questão do Indea com a mesma demanda da Sema. São todas muito diferentes. Então, nós sempre dialogamos, mas com os sindicatos”, explicou à imprensa nesta terça (15).

Nessa segunda (14), Emanuel se reuniu com representantes do Fórum Sindical. Essa foi a sua primeira agenda política após ele anunciar que trabalharia a viabilidade de seu nome para a disputa rumo ao governo do Estado.

0 comentário