Festival de Inverno: shows nacionais como Matheus e Kauan, Raça Negra e Seu Jorge são confirmados


fonte: G1

A programação musical do 35° Festival de Inverno, em Chapada dos Guimarães, a 65 km de Cuiabá, foi confirmada e terá atrações nacionais como o grupo Raça Negra, Seu Jorge, a dupla Matheus Kauan e os sertanejos Rick e Renner. A programação vai acontecer em julho e agosto.

O festival ficou sem ser realizado durante dois anos, por causa da pandemia da Covid-19. Agora, volta com shows nacionais e regionais, atrações gastronômicas e atividades de lazer como tirolesa, roda gigante e balões.


Ao todo, serão 43 dias de festival.

Confira os shows confirmados:

  • 01/07 - Sexta-feira: Renato Teixeira

  • 02/07 - Sábado: Hey Judy

  • 08/07 - Sexta-feira: Parana

  • 09/07 - Sábado: Ana Vilela

  • 15/07 - Sexta-feira: Derico

  • 16/07 - Sábado: Roberta Campos/Divas

  • 22/07 - Sexta-feira: Violas Pantaneiras (João Ormond e Paulo Simões)

  • 23/07 - Sábado: Padre Alessandro de Campos

  • 29/07 - Sexta-feira: Raça Negra

  • 30/07 - Sábado: Seu Jorge

  • 31/07 - Domingo: Rick & Renner

  • 05/08 - Sexta-feira: Matheus & Kauan

  • 06/08 - Sábado: Almir Sater

  • 07/08 - Domingo: Karine Larre/Jet Lag

  • 12/08 - Sexta-feira: Gabriela Rocha – gospel

  • 13/08 - Sábado: Isadora Pompeu – gospel



O 35° Festival de Inverno é uma parceria entre a Prefeitura de Chapada dos Guimarães e a Rede Mato-grossense de Comunicação (RMC).

Segundo a coordenação do evento, haverá a soltura de balões, para fazer o espetáculo no céu na cidade, e um balão amarrado, no qual o público vai poder subir e descer. Além disso, também vai haver palestras, cinema e stand-ups.



Na primeira etapa, que começa no dia 1° de julho e vai até o dia 23 de julho, apenas um palco estará operando.

Do dia 28 de julho e até o dia 6 de agosto serão três palcos em operação e volta a ser um palco para o fim de semana dos shows gospel, nos dias 12 e 13 de agosto.


Na gastronomia, terá a presença de Marcelo Cotrim, assessor de culinária e conhecedor da gastronomia mato-grossense.

Ele irá assessorar os restaurantes que tenham chef de cozinha para participar da criação de um prato exclusivo para o evento. Em uma das reuniões foi discutido o 'baguncinha pantaneiro'. O prato fará parte da ação 'boa lembrança'.

0 comentário