Escorpiões são responsáveis por 74% dos ataques de animais peçonhentos em MT no 1º trimestre de 2022


fonte:G1

Em Mato Grosso, 74% das picadas de animais peçonhentos foram de escorpião. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), no primeiro trimestre foram registrados 177 acidentes e, destes, 131 foram causados por escorpiões.

O estudo ainda compara os dados deste ano com os primeiros três meses do ano passado. Em 2021 foram registrados 165 picadas de animais peçonhentos em todo o estado. Neste ano, já foram 177 casos.

Segundo o levantamento, as picadas de aranhas e outros animais também foram maiores neste ano em relação ao ano passado.

Acidentes envolvendo animais peçonhentos 2021/2022

Serpentes 83/20

Aranhas 8 /18

Escorpiões 70/131

Outros animais 2/8

Total 165/ 177 Fonte: SES

Março foi o mês em que teve o maior número de picadas pelo inseto. Ao todo, foram 45 casos e, no ano passado, no mesmo mês, foram 29 registros, segundo a SES.

Nos 141 municípios de Mato Grosso, 16 hospitais regionais de saúde recebem doses de soro antiofídico. Cuiabá e Rondonópolis são os municípios que concentram o maior quantitativo de doses.

Segundo a SES, atualmente o estado possui 409 frascos de soro antibotrópico. Para este ano, a secretaria solicitou ao Ministério da Saúde 8.580 frascos e recebeu 5.980.

Picada de escorpião

Os escorpiões possuem bolsas de veneno e um ferrão. Embora existam inúmeras espécies desses animais, nem todas possuem um veneno tóxico.

Os sintomas mais comuns são dor intensa, sensação de ardência ou agulhadas e inflamação no local. Em quadros moderados podem acarretar náusea, vômito, aumento da frequência cardíaca, sudorese, enjoos, dificuldade para respirar e queda de pressão.

Já nos casos graves, mais frequentes em crianças, o vômito pode ser abundante, assim como o suor. Outros sintomas incluem agitação, apresentar movimentos descoordenados, dificuldade para caminhar, sonolência, confusão mental, tremores e espasmos.

Nesses casos é importante procurar ajuda o quanto antes e os profissionais irão tomar medidas adicionais.


0 comentário